Em cima da hora:
UPE abre inscrições para cursos de idiomas e informática nesta segunda
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • O silencioso homem da lança: o sonho como porta-voz do inconsciente


    16/11/2015 às 12:40h
    Recomendar

    Escrita pela Profª. Dra. Valdeci dos Santos, titular do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da UNEB – Universidade do Estado da Bahia - no campus de Alagoinhas, a obra de caráter autobiográfico, cujo nome intitula este texto, foi lançada sábado passado (14) pela Sociedade de Estudos Psicanalíticos e Hipnose Aplicada (SEPHIA), às 16h, na Clínica Sephia, na Rua Primeiro de Maio, nº 98, bairro São João.

    “O silencioso homem da lança: o sonho como porta-voz do inconsciente” está vinculado ao Projeto de Pesquisa Memória do Ensino de Biologia integrante do Macroprojeto Bio-Tanato-Educação: Interfaces Formativas que a autora desenvolve há 19 anos (1996-atual).
    Familiariza o leitor com alguns conceitos e aportes teóricos com os quais a Drª. Valdeci dialoga sobre morte, finitude da vida, morrer, não-dito da morte, mecanismos objetivos-subjetivos fundamentados pelo não-dito da morte, duplo sentimento de estranhamento e de familiaridade sobre a morte é um dos objetivos da obra.
    Compartilha o sonho intitulado “O SILENCIOSO HOMEM DA LANÇA”, porta-voz do inconsciente da autora no contexto da condição de sujeito objetivo-subjetivo, diante da possibilidade ser uma portadora de neoplasia (câncer). Por isso, conclui a autora, que este seu sonho é a realização de um desejo: o desejo de não morrer vitimada pelo câncer.
    São prefaciadoras da obra: a Psicanalista Yvone Matos Cerqueira (Sociedade de Estudos Psicanalíticos e Hipnose Aplicada – SEPHIA) e Dra. Zoraya Maria de Oliveira Marques (Universidade do Estado da Bahia - UNEB).
    A primeira obra da autora, também de caráter autobiográfico, fruto da sua trajetória de educadora tanto na educação básica quanto no ensino superior, “Memórias de uma professora-bióloga: desejos, olhares e espelhos” foi lançada em dezembro de 2012, no Salão Nobre da Faculdade de Educação da UNICAMP – Universidade de Campinas – durante o IV Seminário de Epistemologia e Teorias da Educação, também aqui em Feira de Santana, no Centro Integrado de Educação Assis Chateaubriand, onde a autora estudou por 10 anos.
     



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia