Em cima da hora:
Motociclista fica ferido após bater de frente com ônibus em Ribeirão Preto
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Projeto Jornal nas Escolas aborda educação inclusiva: Será que já temos uma escola para todos?


    26/10/2012 às 02:28h
    Recomendar

    Uma das frases mais célebres do patrono da educação brasileira, Paulo Freire, é “Ninguém educa ninguém; ninguém se educa sozinho; os homens se educam em comunhão”. Sendo assim, a escola, enquanto ambiente privilegiado do encontro de diversas raças, etnias, crenças e religiões; não pode ficar indiferente às evoluções nesses aspectos e anular as diferenças existentes dentro dela.

    Partindo desse pressuposto, a escola inclusiva acredita que todos os sujeitos escolares podem aprender e fazer parte da vida escolar e social. Portanto, nessa edição, procuramos valorizar a educação para a diversidade pois acreditamos que as diferenças fortalecem a identidade de cada sujeito além de criar novas oportunidades para construção de novos saberes e novas aprendizagens.

     



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia