Em cima da hora:
Fechamento de autoescola vira caso de polícia em Presidente Prudente
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Projeto busca doações de livros e gibis


    24/10/2012 às 03:02h
    Recomendar
    Projeto busca doações de livros e gibis
    Livro à Mão Amiga quer transformar praças em ponto de leitura

    Com a finalidade de incentivar a leitura nas ruas e praças de Feira de Santana, devolvendo a elas o que o crescimento da cidade tirou: ser um ponto de encontro entre pessoas, de conversas e descanso. O projeto Livros à Mão Cheia está recebendo doações de livros e gibis em diversos pontos de apoio para que, no próximo sábado (27) a partir das 9h, haja uma distribuição gratuita dos títulos doados por pessoas solidárias com a iniciativa. O local escolhido para o evento foi a Praça João Pedreira (em frente ao Mercado de Arte).  
    "Este é um local no centro da cidade, ponto de convergência entre comerciantes, funcionários públicos, estudantes, motoboys, moradores de rua e outros cidadãos que, pela rotina ou por desinteresse do poder público, não têm tempo ou incentivo para a leitura e o estudo prazeroso", disse Astrude Modesto, organizadora.
    Um dos pontos principais para o Livros à Mão Cheia é o desenvolvimento de ações que estimulem a leitura, pois isso é fundamental para a formação de pessoas conscientes de seus direitos e deveres. "Pensar uma boa educação gratuita, uma cidade limpa, uma saúde pública de qualidade, requer cidadãos leitores, pois no mundo informatizado que vivemos é quase impossível pensar que a consciência política não perpasse pela leitura de um bom jornal, de um bom livro, de uma boa revista ou de uma página na internet. Ler deve ser um hábito, fazer parte da rotina, estar em todos os locais, inclusive em vias e praças públicas", completou Astrude.
     Aos interessados em participar desta ação, as doações podem ser feitas em três pontos de apoio para coleta na cidade:
    " Centro de Cultura Amélio Amorim - Av. Presidente Dutra, 2222, Capuchinhos.
    Empresa Cidade Propaganda - Rua Domingos Barbosa de Araújo, 486, Kalilândia.
    Museu de Arte Contempporânea (MAC) - Rua Geminiano Costa, 255, Centro.

    Obs.: Texto publicado originalmente na edição de hoje do Jornal Folha do Estado da Bahia
     



    Comentários


    27/09/2016 as 11h47m
    Vânia Rebouças escreveu:
    Prezados, essa notícia é de hoje? Tenho livros para serem doados!
Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia