Em cima da hora:
Baile Municipal de Bezerros vende ingressos para show de Araketu
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Aposentadoria de professores pode mudar com Reforma da Previdência

    Se a proposta for aprovada, categoria deixará de ter direito a uma idade diferenciada e passará a seguir regras impostas a outros trabalhadores
    06.12.2016 17h52m
    Recomendar

    A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 287,que prevê a Reforma da Previdência, coordenada pelo ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, foi enviada para o Congresso Nacional. Ao contrário do que se especulava, ela prevê a extinção das aposentadorias especiais. A idade para educadores e educadoras se aposentarem pode, então, ser igualada em 65 anos, assim como a dos outros trabalhadores (com exceção dos militares). Professores que até a data de promulgação da emenda tenham 50 anos ou mais e professoras com 45 anos ou mais poderão se aposentar após cumpridos 30 anos de contribuição, se homem, e 25 anos no caso das mulheres (desde que tenha cumprido um período adicional equivalente a metade do tempo que faltaria para atingir o tempo de contribuição anterior).

    O intuito do governo federal é que mudanças nas regras de aposentadoria ajudem a diminuir os gastos públicos. No orçamento previsto para 2017, 562,4 bilhões de reais deverão ser usados em despesas correspondentes a gastos com pagamentos desse benefício trabalhista, bem como pensões e auxílios de trabalhadores e empregadores. O déficit esperado para o Regime Geral da Previdência (conhecido através do INSS) é de cerca de 181,2 bilhões de reais, segundo o Projeto de Lei Orçamentária Anual, divulgado pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.

    Atualmente, trabalhadores do setor público e privado podem se aposentar com, no mínimo, 65 anos para homens e 60 para mulheres, ou por tempo de contribuição, 35 anos para homens e 30 para mulheres se esse valor, somado à idade da pessoa, corresponder a 85 e 95, respectivamente. Caso a proposta seja aprovada, só será possível parar de trabalhar após atingir a idade mínima de 65 anos. Além disso, o tempo mínimo de contribuição para a Previdência Social passará de 15 para 25 anos.

    Até o momento, professores de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio, policiais federais e civis dos Estados e cargos que se expõem a agentes nocivos à saúde têm direito à chamada aposentadoria especial. Essa separação decorre do fato de tais profissionais estarem expostos a trabalhos mais desgastantes ou arriscados. No caso dos docentes, a idade mínima é de 55 anos para homens e de 50 para mulheres. Já o tempo de contribuição mínimo para homens e mulheres é de 30 e 25 anos, respectivamente. Essa regra é válida para quem contribui pelo regime geral da Previdência, o que é o caso da maioria dos educadores da rede particular e pública.

    A proposta da Reforma da Previdência inicia a tramitação pela Câmara dos Deputados. Agora, o Congresso deverá ouvir alguns setores da sociedade civil, como centrais sindicais, para que sejam analisadas mudanças no texto.


    Por que os docentes são um caso especial

    Marta Vanelli, secretária geral da Confederação dos Trabalhadores em Educação (CNTE), órgão vinculado à Central Única dos Trabalhadores (CUT), opõe-se às mudanças apresentadas. “Os professores têm uma luta histórica para conseguir ter 50% de sua carga horária para horas-atividade. Já conquistamos um terço, o que é um grande avanço. Entretanto, continuamos com salas superlotadas. É difícil e desgastante ficar responsável por até cinco turmas com 40 ou 50 alunos cada. Em uma manhã, o docente pode ter contato com até 250 crianças e adolescentes. Sem considerar uma segunda jornada”, diz Marta. Além disso, os professores precisam desenvolver algumas de suas tarefas fora do período de trabalho, como o planejamento de aulas e a correção de avaliações. “Por esses motivos, nas atuais condições, nenhum docente consegue ficar mais do que 25 anos em sala de aula. O governo compara a idade de aposentadoria daqui com as de outros países, mas as realidades são diferentes”.

    Aumentar o tempo de trabalho dos professores pode acarretar ainda problemas na saúde deles. O Atlas de Gestão de Pessoas registrou que, no ano de 2012, na rede municipal de São Paulo, a quantidade de afastamentos superou o número de docentes em sala (para saber mais, leia a matéria de capa de NOVA ESCOLA sobre saúde mental do professor). “O governo pensa no lado financeiro da questão, mas parece desconsiderar ou ser insensível com as especificidades de cada profissão. O exercício de magistério acarreta desgaste físico e mental. Por isso, as mudanças podem ampliar o número de educadores doentes. Teoricamente, essas pessoas estão trabalhando, mas, na prática, estão readaptadas e fora da sala de aula”, diz Claudio Fonseca, presidente do Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal de São Paulo (Sinpeem).

    Sobre igualar as idades de aposentadoria de homens e mulheres educadores, Marta também levanta argumentos contrários. “Na cultura machista em que vivemos, além de trabalhar fora de casa, em muitos casos a mulher é também a única responsável pela Educação e cuidado com os filhos e com a casa. Em algumas poucas famílias, esses cuidados são divididos, mas ainda são casos excepcionais. Se houvesse uma partilha justa de atividades domésticas entre homens e mulheres, poderíamos pensar em igualar as idades”, defende.


    O tamanho do problema

    Estima-se que, em 2017, o déficit da previdência chegue a 181,2 bilhões de reais. Caso a tendência seja mantida, essa conta pode fechar em 1 trilhão negativo em 2050. Com o envelhecimento da população, estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) preveem que, em 2060, 30% da população brasileira seja composta por pessoas com mais de 65 anos. Nesse cenário, 20% do PIB seria gasto com a previdência, segundo uma estimativa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Em 2015, foram gastos 7,4%, com 8% da população com mais de 65 anos. Ou seja, haverá menos pessoas contribuindo para um sistema com um número muito maior de aposentados do que o atual. Dessa maneira, os custos dificultariam investimentos em outras áreas, como Saúde e Educação.

    Outro argumento levantado pelo governo é que a média de idade de aposentadoria brasileira, 59,4 anos para homens (dados de 2015), está abaixo da média dos países da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), que foi de 64,2 anos em 2012.

    Para Carlos Heitor Campani, professor de finanças do Instituto de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o envelhecimento da população e o aumento da expectativa de vida já eram problemas previsíveis. “Os responsáveis pelo sistema foram extremamente negligentes ao longo do tempo e não agiram de forma eficiente para impedir o desastre atual”, diz. O economista defende que, em vez de se basear em outros países, o governo federal realize uma pesquisa robusta para que as mudanças se adequem ao padrão brasileiro. Para ele, o atual modelo e as novas propostas divulgadas até agora funcionarão apenas como medidas paliativas. “É claro que ações corretivas tais como idade mínima e extinção de super-aposentadorias são importantes, mas elas precisam ser acompanhadas de outras medidas que tornem o sistema verdadeiramente sustentável e não apenas empurrem a sujeira para debaixo do tapete, ou melhor, para algum governo futuro”, pondera.  

    Fonte: Nova Escola



  • Semana de atividades marca Dia da Bíblia em Feira

    O evento será encerrado no próximo domingo com uma grande Caminhada Profética pela avenida Getúlio Vargas
    06.12.2016 14h33m
    Recomendar

    Em comemoração ao Dia da Bíblia, o livro mais lido do mundo, diversas igrejas evangélicas de Feira de Santana se uniram durante esta semana para celebrar o livro da vida. As atividades, que começaram na última segunda-feira, dia 5, seguem até o próximo domingo, 11, quando a semana será encerrada com uma grande Caminhada Profética.

    Em entrevista por telefone concedida ao Professor Repórter, o Bispo Wilson Dias, pastor da Igreja Evangélica Grão de Mostarda, no Tomba, e coordenador do evento, afirmou que o evento está em sua terceira edição e com muitas novidades. “Esta edição difere das demais porque antes a gente fazia toda a programação em apenas um dia, mas este ano ganhamos força e estamos realizando uma semana de programação intensa de segunda a domingo”. 

    No último dia 5, aconteceu a cerimônia de abertura com alvorada festiva, e também já aconteceram atividades de evangelização, levando as palavras de Deus à população da Praça da Bandeira, Centro da Cidade. Essa atividade terá seguimento até amanhã (07).

    Na quinta-feira, dia 8, à noite, acontecerá uma celebração de honrarias a igrejas e pastores na sede das Assembleias de Deus, (ADEFS), localizada próximo à Rodoviária. Dez igrejas e cinco pastores (os nomes serão revelados no evento) com mais de quarenta anos de fundação e de ordenação pastoral serão laureados na noite de celebração que também contará com apresentações do coral da Adefs e da Capelania Menorá do Brasil. 

    Na sexta, 9, uma exposição de artes no estacionamento do paço municipal. Dando procedimento a programação, no sábado (10), pela manhã acontecerá uma ceia de comunhão na Igreja Batista Central e pela tarde será realizada uma maratona bíblica na Igreja Avivamento Bíblico, avenida Senhor dos Passos.

    A vasta programação encerra no próximo domingo, dia 11, quando será realizada a Caminhada Profética, com início previsto para às 8h da manhã. A concentração acontece no posto de combustível, próximo à Igreja Batista Avenida, na Getúlio Vargas. De lá os cristãos seguem aspergindo óleo ungido até chegarem ao estacionamento da Prefeitura Municipal onde o evento terá encerramento oficial. 

    Ao final da Caminhada, o Pr. Valdivan (titular da Igreja do Avivamento Bíblico de Feira de Santana) vai proferir pregação sobre o livro mais importante da cultura evangélica. Em seguida, sete pessoas de diversos segmentos receberão um exemplar das Escrituras Sagradas como símbolo profeto que Deus será o Senhor de todos os cidadãos da Cidade Princesa:


    Política: Prefeito José Ronaldo de Carvalho 

    Segurança: Inspetor da PRF Misael Freitas 

    Saúde: Dr. Valdir Cerqueira Sant’Ana Filho

    Empresariado: Valdivino dos Santos Moreira 

    Família: Professora Tânia Maria Cerqueira da Costa

    Justiça: Pastora Luciana Duque 

    Sacerdote: Pastor Jorge Monteiro 

    Confirma no cartaz abaixo os detalhes da programação: 



  • Congresso aprova liberação de recursos para o Fies


    18.10.2016 16h57m
    Recomendar

    Em votação simbólica, o Congresso Nacional aprovou hoje (18) o Projeto de Lei (CN) 8/16, que abre crédito suplementar de R$ 1,1 bilhão em favor do Ministério da Educação e de operações oficiais de crédito. Os recursos se destinam a suprir despesas com serviços de administração de contratos prestados por bancos ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Além de R$ 702,5 milhões para o Fies, o projeto libera R$ 400,9 milhões para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016.

    A votação desse projeto vinha se arrastando há algum tempo, em virtude das dificuldades em se votar os vetos presidenciais, que têm prioridade de apreciação e trancam a pauta de votações do Congresso, e também em função da obstrução dos partidos de oposição ao governo. Por causa do atraso na aprovação do crédito para o Fies, estudantes têm reclamado que não conseguem acessar o sistema do programa desde de julho.

    A votação do crédito suplementar para o Fies e para o Enem ocorreu logo após a liberação da pauta do Congresso, com a votação dos três vetos presidências. O presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), fez a inversão da pauta de votações e colocou como o primeiro item a ser votado o projeto para a liberação dos recursos para o Fies. Não houve obstrução de partidos da base e nem da oposição.



  • Congresso geral de adolescentes começa amanhã na Assembleia de Deus

    Mais de 600 adolescentes são esperados por dia entre sexta e domingo
    13.10.2016 15h37m
    Recomendar

    O louvor será ministrado pelo jovem pastor Otniel Araújo durante os dias do congresso 

    Buscando a convicção e fé dos jovens Feirense começa amanhã (14), ás 19h, o 4° Congresso de Adolescentes da Assembleia de Deus em Feira de Santana. Com o tema baseado no Livro de Atos, o evento tem uma programação vasta, com palestras, cultos e atividades para toda a família. O encontro segue até o próximo domingo (16) no Templo Sede da ADEFS - situado próximo à Rodoviária da cidade.

    Com o objetivo de aproximar os adolescentes entre 11 e 17 anos das práticas condizentes com a Palavra de Deus, o Congresso torna-se uma "oportunidade de aprendizado, integração entre eles, além de firmarem um comportamento ativo na vida com Deus”, explicou o Presbítero Marcos André, coordenador da UNA - União de adolescentes da ADEFS.

    De acordo com André, a adolescência é o período da vida, que as pessoas ficam mais confusas e acabam se afastando da religião. “De acordo com pesquisas, apenas 50% dos adolescentes, são presentes ou atuantes na religião. Então esse é um momento de mostrar uma convicção e testemunho de uma vida cristã”.

    Programação

    As atividades terão início com um culto de abertura na noite de sexta-feira, e terão prosseguimento com uma palestra para os pais e responsáveis. No sábado(15) pela manhã, onde o Pastor, do Rio de Janeiro, Carlos Junior falará sobre “O fenômeno pular fora”.

    No domingo acontecerá a palestra para os adolescentes com o Reverendo Jader Borges, Secretário Nacional da infância e juventude da igreja Presbiteriana do Brasil, que tratará o tema “Convicção, tem ou não tem?” , e todas as noites após as atividades acontecerão cultos na igreja.

    Conhecimento Bíblico 

    Como todo ano é escolhido um livro bíblico para ser tema do congresso, esse ano o texto escolhido foi o de Atos. E uma das atividades programadas é um teste bíblico sobre a leitura sagrada e o vencedor irá ser premiado com um smartphone, “O teste de conhecimento assim como toda a programação do evento, e todos os jovens de qualquer religião poderão participar”, acrescentou Marcos André.



  • Sesi abre 2 mil vagas de ensino gratuito para jovens e adultos

    Em Feira de Santana, as inscrições podem ser feitas através do telefone 3602 - 9712 ou no seguinte endereço: Rua Gonçalo ASlves Boaventura, S/N - Jardim Cruzeiro
    11.10.2016 09h07m
    Recomendar

    O Serviço Social da Indústria (SESI Bahia) está com inscrições abertas para mais de 2 mil vagas de ensino a distância (EaD) gratuitas para pessoas com mais de 18 anos interessadas em concluir o ensino fundamental 2 e médio. Além das vagas para os cursos regulares, estão sendo oferecidas também 105 oportunidades para o EJA Profissionalizante, uma modalidade de Educação de Jovens e Adultos realizada em parceria com o SENAI que vai oferecer quatro cursos.

    Para as duas mil vagas do EJA EaD para o ensino fundamental 2 e médio, os interessados deverão procurar os polos EaD do SESI na capital e interior (ver lista de endereços abaixo) e fazer a inscrição. O prazo encerra em dezembro e as matrículas excedentes serão remanejadas para as turmas de 2017. Já as 105 vagas de EJA EaD Profissionalizante são para os cursos de Montador e Reparador de Microcomputadores, Instalador Hidráulico e Montador de Sistemas de Construção a Seco.

    Para todas estas estão sendo oferecidas 35 vagas em cada curso, que será realizado a distância, via internet, com material on-line e livro didático impresso, atividades presenciais, tutoria e monitoria para os alunos. Nesta modalidade, as vagas são apenas para quem já tem o diploma do fundamental 2 e mais de 18 anos. Os cursos possuem 20% da carga horária presencial com um encontro semanal obrigatório. O curso a distância é oferecido em 11 municípios da Bahia, incluindo Salvador. Confira abaixo os polos EaD do SESI em todo o estado. Para mais informações acesse www.fieb.org.br/sesi/educação, clicando em Educação de Jovens e Adultos. 

    Fonte: Correio 24h



  • Exército abre seleção na Bahia com salários de até R$ 7.458 mil


    11.10.2016 08h43m
    Recomendar

    Estão abertas até 30 de outubro as inscrições para seleção de Oficiais, Sargentos e Cabos temporários do Exército Brasileiro. Há vagas para quatro cidades da Bahia - Salvador, Feira de Santana, Paulo Afonso e Barreiras. A remuneração inicial é de R$ 2.512,16 (cabo especialista), R$ 3.857 (sargento técnico) e R$ 7.458,92 (nível superior na graduação de Aspirante a Oficial).

    Veja as vagas na Bahia:

    Salvador - Nível Superior: Bacharelado em Informática, Contabilidade, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Ambiental, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil, e Licenciatura em História, Inglês e Espanhol; Nível Médio: Técnico em enfermagem, Informática, Eletrotécnica, Contabilidade, Manutenção Automotiva, Topografia e Instrumentos Musicais; Nível Fundamental: Motorista habilitado nas categorias D e E.

    Feira de Santana - Nível Médio: Técnico em Enfermagem, Contabilidade e Administração; Nível Fundamental: Motorista habilitado nas categorias D e E.

    Barreiras - Nível Superior: Bacharel em Direito. Bacharel em Engenharia Civil. Nível Médio: Técnico em Edificações. Técnico em Eletrotécnica. Técnico em Administração. Técnico em Topografia.

    Paulo Afonso - Nível Fundamental: Motorista habilitado nas categorias D e E, e Auxiliar de mecânico de viatura.

    Além das Bahia, há também vagas em Aracaju (SE). Clique aqui para acessar o edital.

    Os interessados devem se inscrever pelo site da 6ª Região Militar. O processo conta com avaliação curricular, entrevista, prova escrita (licenciatura) e prática (músicos), inspeção de saúde e Exame de Aptidão Física (TAF). Os candidatos devem estar em dia com obrigações do Serviço Militar e a Justiça Eleitoral, possuir bons antecedentes, idoneidade moral, ter no mínimo 1,60m, se for do sexo masculino, e 1,55m, se for sexo feminino; ter no máximo sete anos de serviço público anterior, e estar de acordo com orientações do Aviso de Convocação.

    Outros pré-requisitos:

    Para Oficial Técnico Temporário (OTT)

    Ser candidato voluntário do sexo masculino ou feminino, formado em instituição de Ensino Superior / Possuir menos de 38 (trinta e oito) anos de idade em 31 de dezembro de 2017 / Ser brasileiro nato.

    Para Sargento Técnico Temporário (STT)

    Ser candidato voluntário do sexo masculino ou feminino, tendo concluído o Ensino Médio e Curso Técnico que o habilite a exercer o cargo para o qual se candidatou / Possuir, no mínimo, 19 (dezenove) anos e, no máximo, 37 (trinta e sete) anos de idade em 31 de dezembro de 2017 / Ser brasileiro nato ou naturalizado.

    Para Cabo Especialista Temporário (CET)

    Ser candidato voluntário do sexo masculino, tendo concluído o Ensino Fundamental e Curso que o habilite a exercer o cargo para o qual se candidatou / Possuir, no mínimo, 19 (dezenove) anos e, no máximo, 35 (trinta e cinco) anos de idade na data da incorporação / Ser brasileiro nato ou naturalizado. 

    Clique aqui para ter acesso ao edital completo 

    Fonte: Correio 24h



  • Governo pode editar MP para liberar recursos do Fies

    Pode ser liberados créditos extraordinários para o Fies no valor de R$ 1,1 bilhão
    06.10.2016 17h22m
    Recomendar

    O ministro da Educação, Mendonça Filho, disse hoje (6) que lamenta que o Congresso Nacional não tenha votado, em sessão suspensa na madrugada de hoje (6), a matéria que abre crédito para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), e não descartou a possibilidade de ser editada uma medida provisória para liberar o recurso. A sessão do Congresso foi suspensa, por falta de quórum, antes da votação do projeto de lei que libera créditos extraordinários para o Fies, no valor de R$ 1,1 bilhão.

    Segundo ele, a decisão de editar uma medida provisória é do presidente da República e o assunto deve ser discutido fazendo uma avaliação técnica e, também, política da conjuntura. “A decisão de editar uma MP não é uma decisão pessoal minha, como ministro da Educação, é sempre do presidente, ouvidas as áreas técnicas”

    E completou: “Evitamos isso desde o primeiro momento, não quero descartar, mas a decisão não é nossa. Vamos discutir, eu, o ministro do Planejamento, levarei o assunto para o ministro-chefe da Casa Civil, Secretaria de Governo e, finalmente, para o próprio presidente Temer, para avaliarmos, junto com o presidente da Câmara e do Congresso, qual o contexto e a viabilidade”, disse.

    Fonte: Agência Brasil



  • Criador do Bode Gaiato é vítima de sequestro relâmpago


    06.10.2016 16h21m
    Recomendar
    Criador do Bode Gaiato é vítima de sequestro relâmpago
    Humorista Breno Melo é o criador do famoso personagem Bode Gaiato

    O humorista Breno Melo, criador do personagem Bode Gaiato, foi vítima de um sequestro relâmpago na última quinta-feira (27), no município de Caruaru, no interior de Pernambuco.

    No Facebook, o humorista falou sobre o caso e disse que estava sozinho dentro de seu carro quando foi abordado por quatro homens armados.

    De acordo com Melo, os criminosos o renderam e o levaram para um matagal. "Quero compartilhar como uma forma de alerta e desabafo mesmo. Foram os 40 minutos mais longos da minha vida e os mais assustadores também", contou o humorista. Ele afirma também que ficou bastante tranquilo durante toda a ação e foi libertado após ser confundido com um sulanqueiro, ou seja, comerciante que trabalhava na feira da sulanca.

    "Embora pensasse que iria morrer, fiquei bastante calmo e acho que isso foi crucial para a minha integridade física e por ainda estar com vida", desabafou o rapaz.

    Ele foi levado pelos bandidos até uma estrada próxima ao Distrito Industrial de Caruaru, onde foi abandonado. "Um deles ainda tirou R$ 10 da minha carteira para eu pegar uma mototáxi e voltar para casa", relembrou. De acordo com o jornal "Diário de Pernambuco", os autores do sequestro ainda não foram identificado e o carro do humorista não foi encontrado.

    "A gente pensa que essas coisas só acontecem com os outros, mas a verdade é que ninguém está imune a isso. Nos resta agradecer por ainda estarmos com a nossa vida", desabafou Melo em seu perfil.  

    Fonte: Correio24h



  • Transpetro abre 141 vagas; salário chega a R$ 10.868,28


    06.10.2016 15h28m
    Recomendar

    A Petrobras Transporte S.A - Transpetro está com processe seletivo aberto. São vagas para cargos de nível superior.

    Ao total, são 143 oportunidades distribuídas entre as funções de Segundo Oficial de Máquinas (53 vagas) e Segundo Oficial de Náutica (88 vagas).

    A atuação é em Navios da Transpetro, com remuneração básica de R$ 3.475,74, podendo chegar a R$ 10.868,28.

    As inscrições podem ser feitas dia 31 de outubro de 2016, pelo site (clique aqui) . A taxa de inscrição é de R$ 65,00 e deve ser paga por meio de boleto bancário.

    Os inscritos serão classificados por meio provas objetivas de conhecimentos básicos e específicos e do exame de capacitação física e psicicológica. As avaliações objetivas estão previstas para serem aplicadas no dia 27 de novembro de 2016, nas cidades de Belém - PA, Fortaleza - CE, Rio de Janeiro - RJ, Salvador - BA e São Sebastião - SP.

    O resultado tem validade de dois anos, contar da data de publicação do Edital de homologação dos resultados finais e pode ser prorrogado pelo mesmo período.



  • Itaipava desmente boato de vaga de emprego


    06.10.2016 15h15m
    Recomendar

    Começou a circular nas redes sociais, sobretudo no whatshap, um aviso com o seguinte aviso: "Quem tiver carteira D e alguma experiência comprovada como motorista de carro pesado, a carline está precisando de 30 motoristas (contrato itaipava): salário R$1690.00, tiket refeição R $340.00, cesta básica R$98.00 + ajuda de custo de R $136.50. Procurar whitamar 81 98365-2691ou e-mail: [email protected] Divulguem aí!! Alguém pode se interessar. Ótima oportunidade!!!"

    O Professor Repórter entrou em contato com o grupo Petrópolis, dona da marca Itaipava, e constatou que o aviso é falso e que se trata de um golpe. Segundo nota enviada exclusivamente ao Professor Repórter, a assessoria do Grupo esclareceu que a empresa não tem qualquer representante ou agência, assim como, não autoriza o uso de sua imagem e marcas para este fim.

    Veja nota na íntegra:

    “O Grupo Petrópolis esclarece que todas as vagas disponibilizadas e suas respectivas contratações são coordenadas pela Diretoria de Recursos Humanos e equipes de Desenvolvimento Humano Organizacional localizadas nas unidades de todo o país. A empresa não tem qualquer representante ou agência, assim como, não autoriza o uso de sua imagem e marcas para este fim.

    Sempre em busca de profissionais qualificados e aptos a atender os perfis de suas vagas, o Grupo Petrópolis reforça o respeito a todos os candidatos e interessados em trabalhar na companhia e reafirma que, também, não há cobrança de quaisquer taxas ou quantias dos candidatos para participar dos processos seletivos.

    O Grupo Petrópolis mantém uma área oficial no Portal Vagas.com e também em sua página oficial no Linkedin, como canais de divulgação das vagas abertas pela empresa. No caso de vagas regionais, poderão ser utilizados meios de comunicação locais, como jornal, rádio, etc., para a divulgação das mesmas.

    Todo e qualquer recrutador do RH do Grupo Petrópolis se apresenta, necessariamente, por meio do e-mail oficial da empresa, cuja extensão é @grupopetropolis.com.br. Qualquer outra conta de e-mail não se trata de um contato oficial, podendo caracterizar-se como fraude.

    Maior companhia de bebidas do país com capital 100% nacional, o Grupo Petrópolis conta com quase 26 mil colaboradores em todas as regiões. Pessoas que, com comprometimento, entusiasmo, respeito e integridade, fazem da empresa a que mais cresce em seu segmento. Mais detalhes sobre as vagas disponíveis em www.vagas.com.br/grupo_petropolis ou www.grupopetropolis.com.br, seção Trabalhe Conosco.

    • O Grupo Petrópolis não cobra qualquer taxa ou contribuição em seus processos seletivos;
    • A empresa não tem qualquer agência ou representante em seus processos de seleção;
    • Todos os colaboradores do RH ou Recrutamento contam com um e-mail oficial @grupopetropolis.com.br;
    • As vagas da empresa são divulgadas na seção Trabalhe conosco de nosso site www.grupopetropolis.com.br”



  • Sargento evangélico é assassinado


    05.10.2016 18h42m
    Recomendar

    Sargento Alexsander Silva da Costa foi assassinado na Baixada (Foto: Reprodução/Facebook)

    Um policial do Comando de Operações Especiais (COE) foi morto a tiros na terça-feira, à noite (4), em Austin, Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, Rio de Janeiro. O 3° sargento da PM Alexsander Silva da Costa tinha 42 anos e fazia parte do grupo musical gospel “Tropa de Louvor – Heróis Anônimos”. Ele também já integrou o Batalhão de Operações Especiais (Bope).

    De acordo com informações da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), foi instaurado um inquérito policial para apurar as circunstâncias da morte e foi realizada a perícia no local.
     

    Fonte: G1/RJ



  • Usuário do Via Feira pode pegar dois ônibus, pagando uma passagem sem passar por terminal


    05.10.2016 16h54m
    Recomendar

    A regra do ponto a ponto não vale para quem desembarca nas estações de transbordo

    O passageiro dos ônibus urbanos de Feira de Santana, que usa o Cartão Via Feira, tem uma hora para pegar um segundo veículo sem que seja necessário novo pagamento ou espera nas estações de transbordo. Antes este tipo de integração somente era permitida nas estações de transbordo, mas hoje pode ser feita em qualquer ponto da cidade, desde que não seja para retornar ao local de origem.

    “Quem embarcar na UEFS com destino ao Tomba, tem uma hora para pegar o veículo que vai para aquele bairro, mas não outro que volte para a universidade”, explica o secretário de Transportes e Trânsito, Pedro Boaventura.

    A regra do ponto a ponto não vale para quem desembarca nas estações de transbordo, onde pode imediatamente pegar um veículo que faça a rota percorrida pelo passageiro ou seguir para onde desejar.

    Esta modalidade de integração, na opinião do secretário, oferece maior agilidade e ganho de tempo para os passageiros que se deslocam entre os bairros, que não mais precisarão ir às estações de transbordo para pegar o segundo ônibus.

    Os cartões estão sendo confeccionados gratuitamente nas estações de transbordo e na sede do Via Feira, à rua Osvaldo Cruz, 156, Kalilândia. Para tanto, o interessado deve apresentar o RG e CPF.

    Fonte: SECOM/PMFS



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia